O unboxing e a geração de valor
A cultura do YouTube revelou para o mundo algo que os designers já sabiam há muito tempo: o valor do unboxing.

Até um invólucro simples, mas que tenha um método de abertura diferente.
aaa

Categoria: Ecodesign Marketing Sustentabilidade

Afinal, o marketing verde existe mesmo?

Por Carollina Li - Tempo de leitura: 4min
Salvos para ler depois
Adicionar aos meus preferidos!
Afinal, o marketing verde existe mesmo? Afinal, o marketing verde existe mesmo? Afinal, o marketing verde existe mesmo?

Hoje, é muito incomum presenciarmos a utilização incorreta do Marketing Verde. Isso é, muitas vezes, ele era é praticado apenas como uma estratégia discursiva para legitimar uma falsa atuação em respeito ao meio ambiente, que visa apenas o lucro.

Agir dessa maneira pode colocar uma empresa em risco, sobretudo nesses tempos ultraconectados em que vivemos. Qualquer incoerência pode fazer com que uma empresa viralize nas redes sociais e ganhe o mundo de forma negativa. Isso prejudica não só a imagem do empreendimento, como também suas vendas.

Para empresas que realmente se preocupam com o meio-ambiente, e investem em ecodesign, é igualmente importante comunicar este aspecto, de forma correta e ética, ou seja, sem contar estórias que não existem.

Deseja entender um pouco mais sobre esse assunto? Então, fique conosco e saiba não só o que é Marketing Verde, mas também se ele de fato existe. Como bônus, veja ainda a relação entre sustentabilidade e design sistêmico e como essa parceria pode ajudar a sua marca a crescer, ampliando a sua visão de negócio.

O que é Marketing Verde?

Podemos resumir o Marketing Verde como uma estratégia que tem por objetivo divulgar a política de atuação ecológica de uma empresa.

Em outras palavras, é uma ferramenta para ajudar as empresas que possuem práticas sustentáveis — ecologicamente corretas e de responsabilidade frente ao planeta e às pessoas dessa e das próximas gerações — a melhorarem a imagem delas perante os consumidores.

Nesse sentindo, elas visam ganhar a confiança e de consequencia conquistar mais adeptos da marca.

O Marketing Verde realmente existe?

Apesar da discussão em torno do Marketing Verde ser recente, existe sim algumas marcas que realmente agem de forma coerente. Essas, adotam uma política de atuação alinhada ao que é ecologicamente correto e responsável socialmente, não visando apenas o lucro.

Estamos falando daquelas aplicam de forma real o respeito ao meio ambiente em sua cultura, moldando com isso pensamentos e práticas da empresa, de seus funcionários e clientes.

O grande problema é quando o Marketing Verde passa a ser utilizado como uma estratégia discursiva para convencer o consumidor que uma empresa age de maneira ecologicamente correta sem que realmente o faça. Muitas vezes, o maior intuito dessa prática é o lucro.

O Marketing Verde vai bem mais além do que isso. Busca destacar o que há de melhor na empresa no que se refere à sua real política de atuação em respeito à natureza.

Hoje, convém ressaltar, os consumidores estão mais atentos a essas estratégias puramente discursivas. Isso significa que se a empresa não agir de forma coerente, poderá entrar em uma grande crise.

O que é "selo verde" e como ele funciona?

selo ibd selo fsc

Ainda que o selo verde seja visto indiscriminadamente como símbolo e certificação global de respeito ao meio ambiente, convém fazer um destaque. Nem todo selo verde representa, de fato, um compromisso sustentável com a mãe natureza, sendo muitas vezes usado incorretamente.

Vale dizer que existem dois tipos de selos. O primeiro é aquele concedido pelas organizações certificadoras a empresas que cumprem os requisitos necessários para recebê-lo. Já o segundo é produzido pela própria empresa, segundo uma autodeclaração de que não agride o meio ambiente. Será que o seu público de interesse realmente a vê desse modo?

Entre as duas alternativas, sem sombra de dúvidas, a primeira é a que passa maior credibilidade aos consumidores, justamente pelo fato de exigir práticas sustentáveis avaliadas por quem tem a qualificação necessária para tanto. Pense nisso!

Qual a relação entre design sistêmico e sustentabilidade?

O design sistêmico surge como uma solução perfeita para as marcas que desejam inovar de forma sustentável e ecológica.

Essa metodologia permite pensar o ecodesign de produtos e processos em modo holístico, ou seja, levando em consideração o todo o sistema, não apenas um aspecto separado.

Isso porque o profissional vai pensar produtos, processos e serviços que respeitam o meio ambiente, a comunidade local e global, gerando economia circular. Os benefícios diretos são: evitar desperdícios, perda de dinheiro e consequências desagradáveis para a sociedade e meio ambiente.

E então, agora que você sabe o essencial a respeito do Marketing Verde, por que não o adota? Com ele, a sua empresa pode crescer de modo sustentável e ter uma ótima reputação. Já que está aqui, aproveite e leia nossos outros textos sobre como o ecodesign pode ir além da reciclagem. Boa leitura!

Adicionar esse post aos meus favoridos!
Carollina Li

Carollina Li (Diretora de projetos):

Formada em design pela UEMG, mestra em design sistêmico pelo Politecnico di Torino e estudante incassável de marketing. Atua no desenvolvimento de estratégias de diferenciação para pequenas empresas. Apaixonada por pensar o design e o marketing de forma sistêmica. Pesquisadora de nascença. Sonhadora de carteirinha. Van Gogh, Salvador Dalí e Naruto são grandes inspirações. :) Carollina ama intensamente a natureza, escrever, viajar e encontrar sentido em tudo o que faz.

O que você achou deste conteúdo? Compartilhe conosco nos comentários.