O unboxing e a geração de valor
A cultura do YouTube revelou para o mundo algo que os designers já sabiam há muito tempo: o valor do unboxing.

Até um invólucro simples, mas que tenha um método de abertura diferente.
aaa

Categoria: Feiras e Eventos Marketing

4 razões para a sua empresa sempre participar de feiras e eventos

Por Carollina Li - Tempo de leitura: 7min
Salvos para ler depois
Adicionar aos meus preferidos!
4 razões para a sua empresa sempre participar de feiras e eventos 4 razões para a sua empresa sempre participar de feiras e eventos 4 razões para a sua empresa sempre participar de feiras e eventos

Muitos empreendedores pensam que basta o mundo digital e as estratégias de inbound marketing para promover a empresa e que não é mais necessário participar de feiras e eventos. Mas será que isso é verdade?

Participar de feiras e eventos do seu mercado, principalmente como expositor, é tão importante quanto a presença online. Mas quais os benefícios dessa participação? Como saber quais são os eventos mais pertinentes e como se planejar?

Vamos responder a essas e a outras possíveis dúvidas neste artigo. Acompanhe.

Razões para participar de feiras e eventos

1. Fortalecimento da marca

Levar a sua empresa para os eventos corporativos é algo que faz com que as pessoas se lembrem dela — e isso inclui clientes antigos, possíveis novos compradores e até mesmo concorrentes. Ou seja: isso faz parte da estratégia de branding, essencial para o fortalecimento e defesa da marca.

2. Aproximação dos clientes

O seu público de interesse vem até você. Assim, a sua empresa tem a oportunidade de estreitar o relacionamento com essas pessoas e entender, de forma mais pessoal, suas principais dores e desejos. Com isso, poderá ter insights sobre seus produtos e oferecer soluções cada vez mais assertivas.

3. Ampliação de networking

As feiras e eventos corporativos são uma boa oportunidade para você ampliar a rede de relacionamentos profissionais. Esse networking representa o conhecimento mais profundo dos seus stakeholders — novos fornecedores, profissionais capacitados e clientes.

Além disso, você poderá observar os concorrentes e fazer benchmarking. Tudo isso movimenta o seu ciclo de relações, o que nos leva ao próximo tópico.

4. Oportunidades de negócio

A movimentação de possíveis clientes será bem alta no local do evento. Aproveite essa oportunidade para abrir as portas para novos negócios, contratos com compradores diretos e vários tipos de parceria. Eventos corporativos são solos férteis.

Como se planejar?

O ideal é que já no plano de marketing você adicione o budget destinado a participação em eventos, seja como visitante ou como expositor.

É importante pesquisar para entender os custos efetivos e o impacto que tal participação pode gerar na sua empresa. Sem planejamento, a sua presença no evento pode deixar de aproveitar todo o potencial do momento.

De quais eventos participar?

Seria ótimo marcar presença em todos os eventos relacionados aos temas preferidos dos seus clientes e fornecedores. Mas na realidade das pequenas empresas participar de todos os eventos acaba sendo impraticável, já que ter stands nem sempre são baratos.

Assim, para definir qual vá ao evento como visitante. Se for uma feira anual, melhor ainda, pois assim você vai ter o tempo necessário para se planejar.

Para que sua visita seja útil preste atenção na quantidade de pessoas e em quantos dias de duração tem o evento.

Documente tudo! Tire fotos do que achar interessante. Faça gravações de áudio e vídeo e armazene para que depois seja possível se lembrar do que achou importante.

Não se esqueça de observar quais dos seus concorrentes tem stand, como eles apresentam, quais materiais desenvolvem. Converse muito com os expositores eles vão te ajudar entender se vale ou não a pena aquele evento.

Como participar?

Então você finalmente decidiu de qual ou de quais eventos participar?
É hora de definir como.

A sua participação pode ser em vários formatos, dependendo do tamanho do evento. Se você optar em ter um stand ou patrocinar alguma mostra é importante programar tudo a partir da logística, montagem, do design do stand e pensar no contato pós-feira com os participantes.

Dependendo da área pode ser o lugar perfeito para o lançamento de um novo produto ou serviço. Assim, é importante pensar de modo sistêmico para definir a sua estratégia de participação.

Antes de definir o stand, pense em qual experiência você vai oferecer ao seu público e como você pode se comunicar de forma marcante. O básico da sua participação, não pode negligenciar:

  • Um stand bem desenvolvido que atraia os visitantes;
  • Cartões de visita e materiais gráficos (folders, totens, sacolas);
  • Criar uma experiência forte com seu produto ou serviço, bem como oferecer brindes no stand;
  • Explorar os sentidos, texturas, cheiros e sons. Torne a visita ao seu stand imersiva;
  • Organize os atendentes do stand para que sempre tenha alguém para recepcionar as pessoas;
  • Pense em ações que possam captar novos leads — afinal de contas, o público do stand já demonstrou interesse em seu negócio e pode auxiliar no fortalecimento da sua presença online;
  • Tenha tecnologias para captação do contato dos visitantes, como leitores do crachás que registram os emails, telefone, etc.

A participação em feiras e eventos corporativos é algo promissor para o seu negócio. Vale evidenciar que aumenta seu alcance e reforça o seu posicionamento de marca.

Por isso, é preciso sempre estar atento às agendas dos principais congressos, convenções e encontros do seu mercado.

Agora que você já entende as razões para sua empresa participar das feiras e eventos corporativos, você pode começar a planejar a sua participação.

Gostou do conteúdo? Que tal compartilhá-lo com seu amigos em suas redes sociais?

Adicionar esse post aos meus favoridos!
Carollina Li

Carollina Li (Diretora de projetos):

Formada em design pela UEMG, mestra em design sistêmico pelo Politecnico di Torino e estudante incansável de marketing. Atua no desenvolvimento de estratégias de diferenciação para pequenas empresas. Apaixonada por pensar o design e o marketing de forma sistêmica. Pesquisadora de nascença. Sonhadora de carteirinha. Van Gogh, Salvador Dalí e Naruto são grandes inspirações. :) Carollina ama intensamente a natureza, escrever, viajar e encontrar sentido em tudo o que faz.

O que você achou deste conteúdo? Compartilhe conosco nos comentários.